Existem testes fluorescentes para quantificação de endotoxina em microplacas?

ID Artigo

ID Artigo HE235

Data da Publicação

Data da Publicação 10/27/2020
Imprimir
Pergunta ou Título
Existem testes fluorescentes para quantificação de endotoxina em microplacas?
Resposta

A endotoxina é rotineiramente detectada pelo ensaio Limulus amebocyte lysate (LAL). Na presença de endotoxinas, o LAL coagula por meio de uma cascata mediada por enzimas, que pode ser quantificada por meio de ensaios turbidimétricos ou cromogênicos.

O ensaio de fator C recombinante PyroGene ™ (rFC) da Lonza é um ensaio quantitativo que funciona por meio de uma única etapa enzimática, não usa produtos derivados de animais e oferece a mesma sensibilidade do método LAL. Na presença de endotoxina, o rFC ativado irá clivar um substrato fluorogênico, causando um aumento no sinal fluorescente que é proporcional à quantidade de endotoxina presente.

https://www.moleculardevices.com/en/assets/app-note/br/detect-endotoxin-with-pyrogene-recombinant-factor-c-assay