Artigo científico - Método de microscopia de alto rendimento para quantificação de partículas virais através de “Plaque Assay”

ID Artigo

ID Artigo HE102

Data da Publicação

Data da Publicação 05/21/2020
Imprimir
Pergunta ou Título
Artigo científico - Método de microscopia de alto rendimento para quantificação de partículas virais através de “Plaque Assay”
Resposta

As técnicas de imageamento celular podem ser utilizadas para detectar a capacidade de um determinado vírus infectar células em cultura. As concentrações virais são determinadas a partir da fração de células infectadas.

Um dos primeiros ensaios quantitativos desenvolvidos em virologia foi o ensaio de placas (Plaque Assay). Originalmente desenvolvido por Renato Dulbecco, mede a propagação de agentes infecciosos através de uma monocamada de células. No entanto, uma das limitações deste ensaio é o baixo rendimento. Pesquisadores da Universidade de Zurique aprimoraram esse ensaio, desenvolvendo um método baseado em microscopia de fluorescência de alta produtividade para extrair características de células clonais pato-biológicas.

Para adquirir imagens e analisar células infectadas, o grupo utiliza o sistema ImageXpress® Micro Confocal e o ImageXpress Micro XLS Widefield. Utilizando esses equipamentos, juntamente com o software de análise de imagem que o grupo desenvolveu internamente, eles trouxeram o ensaio clássico de placas para um novo nível - que eles chamam de Plaque2.0

Acesse os links abaixo para obter detalhes deste estudo e ter acesso ao artigo científico “Plaque2.0—A High-Throughput Analysis Framework to Score Virus-Cell Transmission and Clonal Cell Expansion”

https://www.moleculardevices.com/en/assets/customer-breakthrough/dd/img/university-of-zurich

https://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0138760